a informação essencial
Pub

CDU denuncia “assimetrias e desleixos” da cidade

FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
Partilha

Dando continuidade aos seus “Passeios de Domingo”, a CDU - Coligação Democrática Unitária de S. João da Madeira voltou a sair à rua “para lutar contra as assimetrias e desleixos da nossa cidade”, refere a sua Comissão Coordenadora de S. João da Madeira em comunicado.
Na nota informativa enviada ao labor, a CDU fala da Rua da Mourisca, onde há passeios ocupados por árvores. Mas esta é uma situação que, conforme denuncia, “repete-se em vários locais fora do centro” e que “dura há muitos anos”, tendo passado “pelo problema três presidentes (Manuel Cambra, Castro Almeida e Ricardo Figueiredo) sem resolverem tal aberração”.
Os comunistas alertam ainda para o perigo de queda de uma árvore na Rua Padre Américo, “na antiga Escola Industrial (edifício municipal), que já soltou alguns ramos, felizmente sem atingir ninguém”. Segundo dizem, “a Polícia já alertou a câmara para o perigo, mas o “peso da burocracia” municipal tarda em resolver”.
Para a CDU, “é incompreensível que continuemos a viver com esta ausência de soluções para os muitos pequenos problemas que afetam o nosso concelho”. “Continuaremos, pois, a lutar para humanizar a cidade”, remata a coligação.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas