a informação essencial
Pub

Água, esgostos e resíduos sólidos no programa eleitoral da CDU

Partilha

A CDU está a levar a cabo um debate sobre o programa eleitoral, tendo decidido o que constará no capítulo da água, esgotos e resíduos sólidos.
Em primeiro lugar, “a ponderação da municipalização da água”. Depois, em segundo, “a análise das remunerações que o município recebe em valor e em espécie para obter mais justiça nos preços praticados”, lê-se no comunicado enviado pela CDU.
A seu ver, “não é justo que os munícipes, contribuintes com os seus impostos para o orçamento municipal, sejam obrigados a consumir água mais cara do que o necessário à sustentabilidade do serviço”, defende a CDU, considerando que “se está a verificar de modo encoberto uma dupla tributação”.
Em terceiro lugar, “o alargamento a todas as famílias de muito baixos recursos, independentemente das idades dos seus elementos, da tarifa social já existente, para os idosos mais carenciados”, segundo o comunicado.

A “situação degradante” de passeios, baias de estacionamento e rotunda

Acerca do espaço público, a CDU alertou para “a situação degradante em que se encontram os passeios, as baias de estacionamento e a rotunda na Avenida dos Chapeleiros, junto à MOLAFLEX”, salientando que “o silvado naquelas baias de estacionamento constitui um perigo iminente para a segurança dos automóveis que ali necessitam de estacionar em caso de incêndio, como aconteceu recentemente”.
Por último, os eleitos da CDU na assembleia municipal pediram explicações à câmara municipal sobre a limpeza de um terreno na Rua Visconde junto ao quartel da GNR solicitada por um munícipe.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas