a informação essencial
Pub
Partilha

Os interessados podem concorrer até ao fim do mês

Tags

Câmara apresenta Bolsa Guias do Parque

FOTO: Direitos Reservados
Partilha

Os interessados podem concorrer até ao fim do mês

A Câmara Municipal de S. João da Madeira apresentou a Bolsa Guias do Parque esta terça-feira, dia 10 de abril, no Salão Nobre.
Os 15 guias selecionados vão “realizar visitas de interpretação do património natural e cultural do Parque do Rio Ul; desenvolver atividades de visitação e de exploração pedagógica ajustadas aos objetivos e aos destinatários; maximizar a experiência dos participantes das atividades que acompanha no parque, visando a excelência; e promover a conservação da biodiversidade e do património construído”, informou Vera Neves, Técnica de Ambiente da autarquia sanjoanense.
Acrescentando que os candidatos devem ter, preferencialmente, “conhecimentos nas áreas da arquitetura, ambiente, história, turismo ou áreas afins (idealmente jovens licenciados); conhecimentos base sobre os valores naturais e culturais de S. João da Madeira; capacidade de comunicação e adaptação a distintos públicos; gosto pelo trabalho com o público, organização e pontualidade; vontade de aprender; e situação profissional compatível com a disponibilidade necessária e forma de retribuição aplicável (profissional liberal)”.
Os interessados devem enviar a candidatura acompanhada do curriculum vitae e de uma carta de motivação para o email parquerioul@gmail.com até ao dia 30 de abril.
Os candidatos selecionados vão ser entrevistados em maio e a formação está marcada para o mês de junho. O programa Guias do Parque arranca com os guias devidamente formados em julho deste ano.

Qualquer pessoa pode ser dinamizadora deste espaço verde

A base do plano de atividades do parque começa com o ser um “anfiteatro verde por explorar” em que podem ser colocadas em prática ideias de cidadãos, entidades privadas, organizações formais e informais. Neste sentido, a autarquia desafiou qualquer cidadão e entidade a ser um dinamizador deste espaço verde. As propostas de atividades podem estar relacionadas, por exemplo, com visitas guiadas, formações/workshops, conversas/conferências, atividade física e lazer, contos/leitura, mercados/feiras, exposições e espetáculos.
As candidaturas podem ser apresentadas até ao dia 30 de abril através do formulário disponível em www.cm-sjm.pt/parquedorioul.
No âmbito do projeto “Conservação e Dinamização do Parque do Rio Ul”, promovido pela Câmara Municipal de S. João da Madeira e cofinanciado pelo Norte 2020, as obras de recuperação da Casa da Eira e do Moinho, e a construção da Casa do Forno e o programa educativo “Quantos parques há no Parque?” estão em curso e um Estudo da Biodiversidade no Parque do Rio Ul está concluído. As obras estão previstas estar prontas até ao fim do ano.
A Câmara Municipal de S. João da Madeira está a levar a cabo “um vasto programa de recuperação do parque para suscitar o interesse das pessoas e ligá-lo, cada vez mais, à comunidade”, afirmou o presidente Jorge Sequeira, assegurando que “tudo pode acontecer desde que seja cumprido o limite que é a preservação do Parque Urbano do Rio Ul”.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas