a informação essencial
Pub
Partilha

De visita aos agrupamentos de escolas concelhios, aproveitando a abertura do novo ano escolar, a candidatura Maioria Por S. João da Madeira, liderada por Paulo Cavaleiro, deixou bem claro que “a prioridade à Educação é para reforçar”

Tags

Coligação anuncia “nova vaga de investimento na Educação”

FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
Partilha

De visita aos agrupamentos de escolas concelhios, aproveitando a abertura do novo ano escolar, a candidatura Maioria Por S. João da Madeira, liderada por Paulo Cavaleiro, deixou bem claro que “a prioridade à Educação é para reforçar”

Em comunicado enviado ao labor, a coligação PSD/CDS-PP refere que uma nova vaga de investimento na Educação será concretizada”. Segundo o “número um” à câmara, “é fundamental rever o Projeto Educativo Municipal de acordo com os novos desafios”. E nessa linha de pensamento novas propostas surgem.
Caso do lançamento do Programa + Escola, onde sobressaem medidas que passam por “um novo ciclo de investimento na reabilitação, requalificação e reapetrechamento das escolas, com uma especial atenção aos meios digitais e à eficiência energética das instalações”, conforme garantiu Paulo Cavaleiro, acrescentando que também pretende equipar a Academia de Música e renovar as instalações do Instituto de Línguas.
Do programa autárquico constam ainda a requalificação das instalações da EB2/3, incluindo espaços verdes e desportivos; estabelecimento de protocolos tendo em vista a atribuição de verbas às escolas para acorrerem a intervenções de urgência nas respetivas instalações; reforço das Atividades de Enriquecimento Curricular; alargamento do ensino da natação a todos os anos das escolas do 1.º ciclo, através da implementação do programa S. João a Nadar; e criação um banco/bolsa de material e manuais escolares para apoio a estudantes.


Reforço do apoio às associações e coletividades é ponto assente

Além das escolas, a equipa de Paulo Cavaleiro visitou várias associações e coletividades do concelho. Isto, porque a ideia da candidatura Maioria Por S. João não é governar a cidade e os sanjoanenses, “mas sim de governar a cidade com os sanjoanenses, em constante articulação com os diferentes atores locais”, inclusive com o movimento associativo.
De acordo com comunicado remetido ao nosso jornal, a coligação irá “reforçar o apoio a dar às nossas instituições e coletividades, que passará por propor ajuda e promoção do desenvolvimento estrutural da formação artística e prática cultural da comunidade, articulando o trabalho desenvolvido por artistas locais não profissionais/associações e por artistas e técnicos consagrados, designadamente reativando projetos como Casa Aberta e Companhia da Casa (da Criatividade). E reforçou os espaços concedidos na Casa das Associações”.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas