a informação essencial
Pub
Partilha

Taça de Portugal de Hóquei em Patins feminino – 3.ª Eliminatória da 1ª Mão

Stuart HC Massamá, 9
AD Sanjoanense, 2

Tags

Vitória da equipa mais experiente

FOTO: António Anacleto
Partilha

Taça de Portugal de Hóquei em Patins feminino – 3.ª Eliminatória da 1ª Mão

Stuart HC Massamá, 9
AD Sanjoanense, 2

Jogo no Pavilhão João Campelo, em Massamá.
Árbitro: Ricardo Leão (Lisboa).
Stuart HC Massamá: Inês Caldeira (gr), Sofia Moncóvio, Tânia Freire (cap), Ana Catarina Ferreira e Rita Dias.
Suplentes: Joana Jorge, Diana Lopes, Adriana Costa, Inês Florêncio e Cláudia Vicente (gr).
Treinadora: Andreia Barata
AD Sanjoanense: Catarina Viola (gr), Bárbara Marques, Daniela Silva, Dora Martins e Inês Ferreira (cap).
Suplentes: Carina Barbosa, Sofia Pinho e Joana Reis (gr).
Treinador: Carlos Gonçalves.
Ao intervalo: 5-0.
Marcha do Marcador: 1-0 por Tânia Freire (3’), 2-0 por Rita Dias (4’), 3-0 por Sofia Moncóvio (5’), 4-0 por Adriana Costa (8’), 5-0 por Rita Dias (10’), 6-0 por Ana Catarina Ferreira (22’), 7-0 por Diana Lopes (23’), 7-1 por Bárbara Marques (31’), 8-1 por Rita Dias (37’), 8-2 por Inês Ferreira (37’), 9-2 por Rita Dias (38’).
Faltas: Stuart HC Massamá, 11 | AD Sanjoanense, 10.

O jogo antecipado da terceira eliminatória da primeira mão da Taça de Portugal de hóquei em patins feminino acabou com uma derrota pesada para a equipa alvinegra.
Se na altura do sorteio se verificou que tinha saído uma fava à equipa da Sanjoanense, este resultado comprovou isso mesmo.
A jogar perante o seu público, com uma equipa mais experiente e num rinque de medidas máximas, o Massamá não deu qualquer hipótese à formação alvinegra, impondo às visitantes uma goleada por números expressivos. E a marcha do marcador começou logo aos três minutos, com as locais a chegarem ao intervalo a vencer por 5-0. Na segunda parte o Massamá entrou com o mesmo ritmo, aumentando ainda mais a diferença com dois golos em apenas um minuto. A resposta das alvinegras surgiu por intermédio de Bárbara Marques e Inês Ferreira, que pouca mossa fez às locais, que ainda antes do final marcaram por mais duas vezes
A segunda mão da prova será a 4 de março em S. João da Madeira.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas