a informação essencial
Pub
Partilha

LXIX Taça de Portugal
AD Sanjoanense, 66
Moscavide, 37

Proliga
FC Porto B, 71
AD Sanjoanense, 61

Tags

Vitória para a Taça e derrota na Proliga

FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
Partilha

LXIX Taça de Portugal
AD Sanjoanense, 66
Moscavide, 37

Proliga
FC Porto B, 71
AD Sanjoanense, 61

A Sanjoanense saiu derrotada (71-61) na deslocação à cidade invicta, no passado dia 2 de dezembro, para defrontar a equipa B do FC Porto, num jogo a contar para a sétima jornada da primeira fase da Proliga.
Com este resultado a formação de S. João da Madeira desceu para o sexto lugar da classificação, em igualdade pontual com o seu rival do fim de semana e com a equipa do Vasco da Gama, todos com 10 pontos. A luta pelo quarto lugar desta primeira fase, que garante a manutenção imediata, está, assim, ao rubro.
Numa partida aguardada com elevada expetativa, os alvinegros acusaram a responsabilidade do jogo, entrando no Dragão Caixa muito nervosos. O resultado de 17-6 no final do primeiro período demonstrava o desacerto dos visitantes no capítulo ofensivo. O técnico demonstrou o seu desagrado e no segundo quarto a equipa apareceu transfigurada, conseguindo partir para o intervalo com dois pontos de vantagem (29-31).
Na segunda parte a Sanjoanense conseguiu manter o equilíbrio apesar do ritmo elevado imposto pela equipa do FC Porto. A quinta falta do poste alvinegro Sergi Coll acabou por retirar a equipa da disputa do resultado no último período do jogo.
No lado do FC Porto o destaque individual vai para a prestação de Henrique Barros, com 17 pontos, enquanto que na Sanjoanense vai para Sergi Coll, que, com 21 pontos, foi o melhor marcador do encontro. Referência ainda para o bom jogo realizado por Gonçalo Machado, autor de 15 pontos, seis ressaltos e três assistências.
Já no feriado de 1 de dezembro a Sanjoanense tinha defrontado o AC Moscavide, batendo no Pavilhão Paulo Pinto a formação visitante por 66-37 num jogo a contar para a Taça de Portugal.
Num encontro dominado pelos alvinegros, os locais demonstraram superioridade no jogo interior e exterior e nos aspetos defensivos, não permitindo à formação lisboeta ter qualquer veleidade de aspirar à qualificação para a ronda seguinte da competição.
Destaque para a boa exibição de Simão Pinheiro, com 16 pontos, incluindo a concretização de quatro em seis lançamentos tentados de três pontos.
No próximo fim de semana a Sanjoanense tem mais uma jornada dupla, defrontando a 8 de dezembro, em Aveiro, às 18h30, o Beira Mar e, no dia seguinte, recebe em casa, pelas 16h30, o Sampaense.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas