a informação essencial
Pub
Partilha

O sanjoanense Fábio Silva destronou o detentor do título há mais de 10 anos

Tags

Título “Homem + Forte de Portugal 2017” veio para S. João da Madeira

FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
Partilha

O sanjoanense Fábio Silva destronou o detentor do título há mais de 10 anos

Desde o último domingo que o “formiga” (alcunha que ganhou nos tempos de escola e pela qual ainda hoje é conhecido) é o homem mais forte de Portugal e um dos mais fortes do mundo.
Na passada segunda-feira, quando falou em exclusivo ao labor, Fábio Silva ainda estava a “digerir” o “sabor” da vitória que tinha alcançado no dia anterior no âmbito da PowerExpo Sports and Fitness Weekend Portugal que no fim de semana teve lugar na Maia. E os seus olhos não deixavam margem para dúvidas quanto ao facto de estar a viver um dos maiores sonhos da sua vida.
Perante um Pavilhão Municipal de Ténis da cidade maiata “a rebentar pelas costuras” e após a concretização de cinco provas “não aconselháveis a fraquinhos” (Log Lift 130 kg; Frame Carry 340 kg; Yoke 400 kg; Dead Lift 390 kg; Roda de Conan 300 kg), o sanjoanense conquistou a 1 de outubro o prémio para o qual já andava a preparar-se há meses, como aliás o nosso semanário já havia noticiado em edição anterior.
Com apenas 26 anos de idade e neste momento a pesar 130 kg, o praticante de strongman foi o melhor de 10 candidatos ao galardão, entre os quais Adérito Santos, o detentor do título “Homem + Forte de Portugal 2017” (categoria absoluta) há mais de uma década. “Feito histórico”, digamos assim, que agora lhe dá a possibilidade de não só “vir a ter mais patrocínios” como também de participar em muitas mais competições internacionais. Sim, porque a ideia é mesmo “segurar o título durante muito tempo”.
Parar é, pois, palavra que não consta no “dicionário” do “formiga”. Ou melhor, consta mas só nos próximos tempos, em que vai tirar umas merecidas férias.
Recorde-se que, em 2009, com 18 anos, o jovem nascido no Porto mas que viveu desde sempre em S. João da Madeira, de onde é oriunda a sua família, foi distinguido como sendo o terceiro homem mais forte do país. Título que revalidou em 2014 e que lhe deu direito a ser convidado para competir em provas além-fronteiras e integrar a seleção nacional da modalidade.
Do seu palmarés contam ainda um 10.º lugar Strongman Champions League Portugal stage 2015; 3.º International Vivacity Strongman Peterborough 2016;12.º Arnold Strongman Classic Europe 2016 e 8.º Strongman Champions League Portugal stage 2016.
A título de curiosidade, Fábio Silva “é menino” para pegar em troncos de árvores que pesam 140 kg, em pneus de meia tonelada ou maletas com 160 kg. Mas, tanto em 2009 como em 2016, numa demonstração na Invicta, também já chegou a puxar um camião com um trailer de 20 toneladas.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas