a informação essencial
Pub
Partilha

Novo técnico alvinegro tem pela frente a luta pela manutenção

Tags

Sérgio Machado é o novo treinador do futebol sénior da Sanjoanense

FOTO: Nuno S. Ferreira
FOTO: Nuno S. Ferreira
Partilha

Novo técnico alvinegro tem pela frente a luta pela manutenção

Foi apresentado, no passado dia 29 de junho, o sucessor de Flávio das Neves. Sérgio Machado é o novo técnico da equipa sénior de futebol da Associação Desportiva Sanjoanense, que na próxima época vai disputar o Campeonato de Portugal Prio.
Com 36 anos, o técnico chega ao clube alvinegro com um currículo reduzido, tendo orientado apenas o Rio Tinto, mas com uma grande ambição. “Quando comecei como treinador criei objetivos pessoais, sei onde quero chegar e o que tenho de percorrer para lá chegar. Depois da experiência que tive no Rio Tinto queria um clube e objetivos diferentes. Sem dúvida que a Sanjoanense era um dos clubes que me interessavam”, esclareceu o técnico, que garante não ter tido dúvidas quando lhe foi endereçado o convite. “Quando me foi apresentado o projeto e o que queriam para o clube aceitei na hora porque é um desafio aliciante”, sublinhou Sérgio Machado. “É bom para mim conseguir que os jogadores cresçam e se valorizem”, acrescentou o técnico, que considera importante manter a aposta na formação sem, no entanto, “fugir do resultado e da responsabilidade que o clube tem de jogar sempre para ganhar”.
Enquanto atleta, Sérgio Machado representou clubes como Boavista, Vizela, Sp. Covilhã e Sp. Espinho e foi como jogador que conheceu a Sanjoanense. “Tinha noção da grandeza do clube e o que representa para a cidade”, sublinhou o técnico, que, segundo Luís Vargas, presidente da Associação Desportiva Sanjoanense, terá como objetivo principal “a manutenção no Campeonato de Portugal Prio”, assente na continuidade de um projeto que visa “potenciar jovens atletas”.
“Engloba-se no nosso perfil de treinador e neste conjunto de objetivos”, garante o dirigente alvinegro. “Queremos uma equipa ambiciosa, aguerrida e jovem, acompanhada de alguns jogadores experientes, e que sirva, mais uma vez, de trampolim para promover os atletas para outros patamares”, explicou Luís Vargas, que considera que as “qualidades humanas e técnicas” de Sérgio Machado dão garantias para que o projeto definido para a equipa sénior possa seguir em frente.
Para além do novo técnico, Luís Vargas apresentou também José Vieira, que assume a função de diretor desportivo do clube alvinegro que, segundo o dirigente, “terá a seu cargo toda a componente desportiva dos seniores de futebol”. Depois dos últimos três anos a exercer funções como agente desportivo e de mais de uma década ligado ao Sporting de Espinho, José Vieira é, de acordo com Luís Vargas, “uma pessoa que vive e transpira futebol”. E a aposta na formação não é apenas uma imposição do clube. “É também uma exigência minha”, garante o novo responsável pelo futebol sénior. “Não faz sentido haver camadas jovens se o clube não aproveita atletas quando chegam à equipa sénior. Só assim faz sentido para o clube, para a cidade e para todo o projeto”, explicou José Vieira, que revelou que o primeiro treino da equipa deverá realizar-se a 17 de julho.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas