a informação essencial
Pub
Partilha

Iniciativa foi promovida pela Iron Legs Academy

Tags

I Torneio de Kickboxing divulgou a modalidade com demonstrações e combates

FOTO: Direitos Reservados
FOTO: Direitos Reservados
Partilha

Iniciativa foi promovida pela Iron Legs Academy

O Pavilhão Paulo Pinto foi palco, no passado sábado, do I Torneio de Kickboxing, iniciativa promovida pela coletividade sanjoanense Iron Legs Academy com o objetivo de divulgar a modalidade.
Com a presença de diversas equipas da região, segundo Pedro Alves, responsável pela Iron Legs, a prova “ultrapassou as expetativas”. “Foi um evento que teve uma duração de quatro horas, sempre com uma bancada muito bem composta e um público muito caloroso”, refere o organizador, que, face ao sucesso alcançado, garante que “é para dar continuidade”. “Só com este tipo de evento é que conseguimos atrair mais praticantes na cidade e que os atletas mais jovens adquiram outra maturidade para competir num outro nível”, explica o responsável pela Iron Legs. Também no aspeto desportivo Pedro Alves considera que a prestação da coletividade sanjoanense “foi muito positiva”. “Competiram 13 atletas da Iron Legs Academy e contabilizamos apenas três derrotas”, destaca o também técnico, que considera que “mais importante que os resultados, foram as exibições”. “Dão-nos garantia que no futuro S. João da Madeira vai contar com excelentes atletas”, explica Pedro Alves, que centra agora atenções na segunda edição do Showtime, agendado para 8 de julho. “São eventos distintos e com propósitos distintos. “O Torneio de Kickboxing tem como objetivo dar experiência aos atletas e lançar novos valores, enquanto o Showtime pretende mostrar como é, efetivamente, a competição de Kickboxing e Muay Tai. Aqui os atletas têm de estar muito bem preparados tanto fisicamente como técnica e psicologicamente”, esclarece o organizador, que considera que na prova de 8 de julho “a margem de erro é muito pequena”, já que é permitido potencia máxima nos ataques e o KO. “No fundo, o Torneio de Kickboxing ajuda a preparar, a médio prazo, atletas para o Showtime ou outras galas nacionais”, conclui Pedro Alves.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas