a informação essencial
Pub

Coruja devolvida à natureza

Partilha

Uma Coruja-do-Mato foi devolvida à natureza ontem, dia 4 de outubro, pelas 18h30, junto à Casa da Natureza no Parque Urbano do Rio Ul.
A Câmara Municipal (CM) de S. João da Madeira (SJM) promoveu a iniciativa em conjunto com o Parque Biológico de Gaia e o Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente (SEPNA) da Guarda Nacional Republicana (GNR).
A ave em causa foi “encontrada em situação de fragilidade e encaminhada para o Centro de Recuperação do Parque Biológico de Gaia, onde, entretanto, recuperou”, deu a conhecer o gabinete de comunicação da CM de SJM através de um comunicado.
O momento de libertação da Coruja-do-Mato no Dia Mundial do Animal, 4 de outubro, foi acompanhado por várias pessoas que ficaram, ainda, a conhecer a ave e as suas histórias.
Os elementos do SEPNA da GNR conversaram sobre a sua atividade, nomeadamente sobre a “conservação e proteção da natureza e do meio ambiente, dos recursos hídricos, dos solos e da riqueza cinegética, piscícola, florestal ou outra, previstas na legislação ambiental”, informou a mesma fonte da autarquia ao nosso jornal.
A iniciativa pretendia, e conseguiu, desta forma, “sensibilizar a população para a necessidade de proteção dos animais e preservação de todas as espécies, mostrando a sua importância na vida das pessoas e celebrando a vida animal em todas as suas vertentes”, concluiu o gabinete de comunicação da CM de SJM em comunicado.

Comentários

Pub

Notícias relacionadas